Pular para o conteúdo principal

Ubuntu Maverick disponível!

A Canonical já deixou disponível o download da versão final do Ubuntu Maverick Meerkat (10.10). Disso muitos já sabem, mas por que atualizar? Confira alguns recursos dessa nova versão da distribuição Linux mais famosa e usada em mais de 12.000.000 de computadores no mundo!

Além dos recursos já conhecidos da distribuição, do excelente apoio comunitário e da excelente lista de aplicativos pre-instalados que muitos já conhecem, a nova versão traz algumas mudanças significativas. Dentre todas, talvez a mais revolucionária é o novíssimo recurso multi-touch, para telas que possuem suporte para este recurso. Com 4 dedos você consegue utilizar o desktop de forma bem mais interativa e interessante.

Além disso, o controle de som foi reformulado, sendo possível ter os controles de avançar, retroceder, pausar a reprodução de mídia diretamente pelo mesmo. O Rythmbox também recebeu uma alteração, sendo possível agora compartilhar informações sobre a reprodução atual em mídias sociais.

O Ubuntu Software Center recebeu uma mudança que acabou gerando muito descontentamento por parte de muitos usuários, mas que por outro lado abriu as portas para softwares proprietários: agora é possível comprar softwares!
De qualquer forma, o programa recebeu outras mudanças, como por exemplo as sugestões de plugins, para otimizar o desempenho de softwares e aumentar sua produtividade. É possível também acessar um histórico das alterações realizadas pelo software center.

Nesta nova versão, o gerenciador de fotos F-Spot foi substituído pelo novíssimo Shotwell.

A integração do serviço se sincronização de arquivos cliente<==>nuvem UbuntuOne com o navegador de arquivos Nautilus é outro ponto forte. Agora é possível compartilhar qualquer pasta pessoal do computador através do menu do botão direito do mouse. Além disso, o serviço de gerenciamento de trabalhos de impressão e o gerenciador de atualizações receberam mudanças significativas na interface e funcionalidades. O novo instalador do Ubuntu está muito melhor e simplificado. A instalação está muito mais veloz, já que o mesmo executa a cópia dos arquivos ao mesmo tempo que obtém informações sobre o novo usuário.

Outras modificações podem ser vistas utilizando o novo Ubuntu. Não quer instalar? Use o liveCD! Baixe já! Você tem um netbook? Então não esqueça de conferir a novíssima versão para netbooks aqui, com a interface Unity modificada.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Usando o Notepad++ para compilar programas Java

Para quem se aventura agora no mundo da programação, já deve ter ouvido falar do Notepad++. A ferramenta, que dá suporte as linguagens C, C++, Java, C#, XML, HTML, PHP, Javascript, ASCII art, doxygen, ASP, VB/VBS, SQL, Objective-C, CSS, Pascal, Perl, Python, Lua, TeX, TCL, Assembler, Ruby, Lisp, Scheme, Properties, Diff, Smalltalk, Postscript, VHDL, Ada, Caml, AutoIt, KiXtart, Matlab, Verilog, Haskell e InnoSetup, é indispensável para qualquer programador, desde aquele novato ao mais experiente. Apesar dos recursos de macro, multi-linguas e a possibilidade de executar aplicativos externos, o programa mantém a função de bloco-de-notas. Uma possibilidade legal é que o programa possibilita o uso de scripts, com instruções automatizadas para que você economize seu tempo. E um script de execução que eu achei, que assim como é para mim será bem útil para todos, é o de compilar arquivos .java. Para configurar essa função, tecle F6 para a 1ª execução do eu arquivo .java no Notepad++. Agora vo…

Mapa mental: nunca mais se perca!

Enquanto me perdia em milhares de ideias que apareciam e se iam, desesperado pela falta de organização das informações, achei uma ferramenta que tem me ajudado desde então: Mapas mentais. Mas afinal, o que são, e como usá-los?

Por isso que programador em Java é coisa rara...

"Por isso, sempre certifique-se de compilar o programa a cada passo importante...
o cafézinho deveria ser um suquinho de maracujá..."
Quem nunca se deparou com uma situação parecida? Você passa horas se dedicando àquele código mega comprido, com trocentas linhas, whiles, if e vetores para no final, talvez por 1 vírgula ("," <-- grandessíssimas filhas da pontuação e sintaxe...) dar tudo errado.Por isso que programador em Java é coisa rara..., upload feito originalmente por Leandrw da silva.